Lana Karine Pietro Canepa Mundim

Lana Canepa – jornalista, biografia, vida pessoal, carreira, fatos e curiosidades

Última atualização em 18 de novembro de 2022

Lana Karine Pietro Canepa Mundim nasceu em 21 de agosto de 1986 na cidade de Campo Grande em Mato Grosso do Sul. A jornalista é reconhecida pela cobertura de notícias políticas em Brasília e por falas impactantes que viralizaram na internet.

Sumário

Vida Pessoal

Lana Canepa

Lana nasceu em uma família de jornalistas e foi influenciada pelo ofício a seguir na profissão. Em entrevista, a comunicadora chegou a comentar uma conversa com o pai, o jornalista Odacil Canepa, na época do vestibular. Na situação, Lana citou a possibilidade de cursar biologia para compreender a natureza e o pai questionou-a sobre a chance de aprender sobre a natureza sendo uma repórter que documenta a própria experiência na selva.

Em outubro de 2005, Lana casou-se com o jornalista e especialista em Ciências Políticas Pablo Mundim. Com a união, o casal adotou as cachorras Lola e Pereba. A irmã, Aline Pietro Chaves, também é jornalista e mãe do sobrinho de Lana.

Carreira

Lana Canepa

Vinda de uma família de jornalistas, Lana cogitou cursar a graduação de Direito na faculdade. Entretanto, ela foi influenciada pelo ofício da família e, em 2008, formou-se em Comunicação Social pelo Centro Universitário de Brasília (UniCEUB) e habilitou-se em Jornalismo.

Na sequência, a jornalista cursou uma especialização em Ciências Políticas pela Universidade de Brasília (UnB), formando-se em 2011. No começo da carreira, a jornalista trabalhou nas afiliadas da TV Globo em Mato Grosso e Mato Grosso do Sul enquanto repórter correspondente em Brasília.

Após cinco anos na emissora, Lana Canepa foi coordenadora da Assessoria de Imprensa da Associação Nacional de Educação Católica do Brasil (ANEC), onde atendeu a imprensa, produziu notícias diariamente e foi editora da publicação de circulação nacional e distribuída em escolas e universidades católicas, a Revista Informativa Educacional.

Em 2013, a jornalista assumiu um cargo de professora na PUC-RS e passou a ministrar as disciplinas de Jornalismo Digital, Telejornalismo, Radiojornalismo e Produção de Texto. Simultaneamente, Canepa trabalhou na Gazeta do Povo enquanto repórter de economia por 2 anos.

Em 2015, Lana Canepa fecha o ciclo de atividades enquanto professora e repórter de economia e assume o cargo de repórter na TV Justiça. No ano seguinte, a jornalista é contratada pela TV Band, cobrindo as notícias de Brasília enquanto repórter por meio de entradas ao vivo e reportagens diárias.

Desde 2019, a jornalista ocupa a bancada do principal jornal da Band: o Jornal da Band. Além disso, ela apresenta o programa “Bastidores do Poder” em parceria com os jornalistas Pedro Campos e Claúdio Humberto na Rádio Bandeirantes. Em entrevista, Canepa afirmou que o jornalismo tem o papel de informar a população e citou a cobertura da pandemia de COVID-19 como um exemplo da função do jornalismo: salvar vidas por meio da informação.

Fatos e Curiosidades

  • Em 2013, Lana trabalhou como professora voluntária no reforço escolar para crianças em situação de risco;
  • Atualmente, a mato grossense vive em Brasília por conta do trabalho enquanto repórter;
  • Ao noticiar um assalto em Botucatu, Canepa soltou um palavrão ao vivo no Jornal da Band e o vídeo viralizou na internet.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.